>>>17º Congresso Nacional: envelhecimento da população e SST no eSocial

17º Congresso Nacional: envelhecimento da população e SST no eSocial

O eSocial e o envelhecimento dos trabalhadores foram tratados em dois seminários do 17º Congresso Nacional da ANAMT. Sobre a plataforma de envio de informações previdenciárias e trabalhistas, Dr. Cláudio Patrus lembrou que a ferramenta não substitui o PPRA e o PCMSO. Ele também enumerou os princípios do eSocial, como garantia de direitos trabalhistas e simplificação do cumprimento das obrigações.

Com cronograma de entrada na plataforma até 2020, o palestrante lembrou que há possibilidade de adiamento ou novos faseamentos, mas, à princípio, as datas permanecem as mesmas.

Além dos eventos relacionados à área de SST, Dr. Cláudio pontuou as possíveis dificuldades que empresas pequenas terão ao lidar com o envio dos eventos nos prazos estabelecidos, além das interações entre os campos do eSocial. Segundo ele, mais de 1200 campos têm interações e em mais de 60% deles, o reconhecimento disso demanda maior conhecimento técnico. No caso das informações de saúde e segurança, a correlação chega a 80% dos dados.

Dra. Ana Amélia Camarano, Dra. Camila Menezes e Dr. Glauber Paiva palestraram no seminário Envelhecimento da População e o Impacto da Medicina do Trabalho. Eles trataram da inserção e manutenção das pessoas com mais idade no mercado de trabalho, capacidade para o trabalho entre adultos mais velhos e o idoso no trabalho, assim como as competências necessárias para os médicos do trabalho lidarem com essa população, cuidados mais recorrentes e mudanças necessárias no trabalho desse público.

By | 2019-05-17T11:26:12-03:00 17 de maio de 2019|Eventos|Comentários desativados em 17º Congresso Nacional: envelhecimento da população e SST no eSocial