>>Prevalência da síndrome de burnout em médicos militares de um hospital público no Rio de Janeiro

Prevalência da síndrome de burnout em médicos militares de um hospital público no Rio de Janeiro

RESUMO

INTRODUÇÃO: A síndrome de burnout é um transtorno sociopsicológico que se desenvolve como uma resposta à tensão emocional e ao estresse relacionado ao trabalho, sendo desencadeada por estímulos estressores contínuos aos quais o trabalhador é submetido. Apresenta-se em três dimensões: exaustão emocional, despersonalização e diminuição da realização profissional

OBJETIVOS: Verificar a prevalência de estresse físico e emocional (síndrome de burnout) em médicos militares do Hospital Naval Marcílio Dias, no Rio de Janeiro (RJ).

MÉTODOS: Trata-se de um estudo exploratório, descritivo, com delineamento transversal e abordagem quantitativa. A coleta de dados foi realizada entre os meses de março e junho de 2016. Utilizou-se como instrumento de pesquisa o Maslach Burnout Inventory e um questionário sociodemográfico.

RESULTADOS: A análise dos dados apontou prevalência da síndrome de burnout em médicos militares do sexo feminino (57,1%), que vivem com companheiro (64,3%), com faixa etária menor de 50 anos (100,0%), renda mensal de até 15 salários mínimos (78,6%), praticam atividade física (57,1%) e não praticam atividade de lazer (78,6%). O consumo de tabaco e álcool se mostrou fator de risco importante. A dimensão mais comprometida foi a despersonalização (44,8%), seguido pela realização profissional (28,4%) e exaustão emocional (6,0%).

CONCLUSÃO: Os profissionais que atuam no hospital militar apresentam níveis consideráveis da síndrome de burnout com altos valores de despersonalização. Ressaltamos a importância de serem desenvolvidos programas de prevenção ao burnout, principalmente para os profissionais que estão expostos às situações de desgaste emocional, a fim de se evitar o adoecimento.

Palavras-chave: esgotamento profissional; saúde do trabalhador; despersonalização.

Leia o artigo na íntegra no site da Revista Brasileira de Medicina do Trabalho.

By | 2018-12-13T10:35:21-02:00 13 de dezembro de 2018|Artigos|Comentários desativados em Prevalência da síndrome de burnout em médicos militares de um hospital público no Rio de Janeiro